Nesse artigo, vou compartilhar com com vocês belos ensinamento que aprendi no livro “O Poder do Agora” que vai te ajudar a viver o presente da maneira mais intensa possível.

 

 

Você deve conhecer as grandes doenças desse século que são a ansiedade, angústia, estresse e outras nesse pacotão.

E muitas delas são relacionadas a problemas do passado ou a questões do futuro.

E uma das formas que que você pode minimizá-las em relação ao passado é entender que ele não existe mais. Ou seja, o passado já morreu, e não há absolutamente nada que você possa fazer para mudar as coisas que já aconteceram.

O que você pode fazer é analisar o passado e levar todos os aprendizados para sua vida.

Não adianta ficar remoendo os erros, confusões e falhas do passado. Isso não vai ajudar em nada em sua vida!

Quando você passa a enxergar os erros como oportunidades de aprendizado e crescimento, você muda completamente o contexto e passa a conviver muito melhor com os desafios da vida.

“Algumas vezes você GANHA, outras vezes você APRENDE.”

Para exemplificar… Caso você tenha perdido um ente querido, em vez de entrar em depressão e desistir de viver sua vida, passe a valorizar ainda mais os familiares e pessoas que você e que ainda estão a sua volta.

Você não poderá fazer nada em relação ao ente amado que se foi. Já em relação às pessoas que ainda estão aqui, aí sim!

Então passe a demonstrar ainda mais carinho, atenção plena, não fique apenas no WhatsApp e Facebook nos encontros de família e valorize cada momento com eles como se fosse o último!

Outro exemplo é quando você perde uma oportunidade de negócio ou no trabalho. Isso provavelmente já aconteceu contigo e senão, com certeza irá acontecer.

E nesses momentos, faça a mesma coisa! Aprenda com aquela situação e leve isso para as próximas oportunidades afim de não repetir o mesmo erro.

“Depois que [Thomas Edison] tentou, 9999 vezes, aperfeiçoar a lâmpada elétrica, sem sucesso, alguém perguntou: Você vai inteirar os 10.000 fracassos? Ele respondeu: Eu não fracassei. Apenas descobri uma outra maneira de não inventar a lâmpada elétrica.”

 

Mas mais díficil que aprender a lidar com o passado, é aprender a lidar com o futuro.

“O futuro ainda não existe, ele é apenas uma ilusão.”

Quantas vezes você já pensou em algo no futuro e as coisas aconteceram exatamente como você imaginou? Muito raro, né?

Isso não quer dizer que você não deva fazer planos para o futuro e visualizar suas conquistas, pelo contrário, essas práticas são necessárias e muito poderosas. Elas te ajudarão a aproximar ao máximo a realidade do futuro, minimizando o gap existente entre eles.

O que quero dizer é que, por mais que você planeje e antecipe as variáveis e hipóteses sobre o futuro, você nunca será capaz de controlá-lo.

Isso porque o futuro apenas se tornará realidade quando ele se tornar o momento presente.

E o que acontece muitas vezes é que passamos a vida inteira achando que vamos ser mais felizes quando tivermos um novo emprego, comprarmos a nova casa, começarmos o novo relacionamento…

E assim, acabamos ficando infelizes a vida inteira achando que a felicidade vai estar apenas no futuro.

E quando conquistamos esses objetivos e metas, rapidamente percebemos que não são suficientes e passamos a buscar algo novo.

Isso tudo pois são apenas satisfações momentâneas e prazeres de curto prazo, que aliviam a dor e não resolvem o verdadeiro problema.

A verdadeira solução para esse problema está dentro de nós!

E uma das formas de encontrar essa felicidade plena é ter consciência de que o único momento que importa é o presente!

Você não deve ficar vivendo do passado, nem do futuro, mas sim viver intensamente o único momento que importa que é o agora.

“A felicidade está na jornada e não no destino.”


 

Espero que tenha curtido esse artigo! Como presente, gostaria de te oferecer uma sessão de descoberta (valor de R$600) gratuita para dar os primeiros passos na direção de uma vida com mais sentido e liberdade.

Infelizmente eu não posso garantir que esse presente ainda esteja disponível na data que você estiver lendo esse artigo. Então espero que entenda que há um número limitado de sessões oferecidas e depois, provavelmente, não haverá mais.

Para agendar um horário, é só clicar aqui. E aí, vamos seguir em frente?

 


E aí, curtiu o artigo? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe com alguém que você acredita que possa ajudar!