Como priorizar objetivos em sua vida?

Como priorizar objetivos em sua vida?

Neste artigo, falarei sobre outro Dream Killer que existe… a ideia de focar apenas em objetivos pequenos na vida e te darei algumas dicas sobre como você pode priorizar melhor os objetivos na sua jornada.

Para começar… você sabe o que é um “Dream killer”?

Nessa série, tenho mostrado que algumas perspectivas são vitais para se aventurar em um determinado empreendedorismo. Para isso, recomendo que você confira os artigos anteriores em que já comecei a abordar e explicar a respeito do assunto.

⇒ Como superar o medo do fracasso? Dicas práticas para sua vida!

⇒ Muito velho para mudar de carreira? Saiba como superar essa ilusão!

 

Como priorizar objetivos – por que focar apenas em objetivos menores pode ser um problema?

Quando você se deixa focar apenas nos objetivos menores, a sua motivação para seguir em frente também fica menor.

Daí, sempre quando pintar um desafio, será muito fácil você abandonar o barco.

“Não adianta abrir várias iniciativas e ter poucas acabativas na vida” – Ian Borges

Por isso é importante que você aprenda a focar nos objetivos grandiosos e no longo prazo.  

A percepção de valor sobre esse objetivo será bem maior e consequentemente, a sua resiliência vai aumentar para seguir em frente.

Mas, não ignore por completo os objetivos no curto prazo.

Os objetivos de longo prazo devem ser fatiados em pequenas etapas para você não perder a noção do todo e conseguir focar no que deve ser feito hoje.

Mas uma coisa é super importante em todo esse desenvolvimento: saber o porquê de cada uma dessas etapas.

Vamos pegar o exemplo da minha companheira, a Taíssa Souza, e o projeto Bora Morar Fora.

No seu blog, ela relata histórias e experiências de brasileiros que realizaram o sonho de morar em outros países, ajudando outros brasileiros que estão em busca dessa mesma jornada.

Agora vamos imaginar que ela tivesse pensado apenas em lançar um blog sobre viagens

Nos primeiros meses, tendo poucas visualizações, não vendo um crescimento relevante, não conseguindo monetizar… com certeza, ela deixaria o projeto de lado e partiria para outra.

No entanto, ela estava focada (e ainda está) no objetivo de longo prazo: ajudar brasileiros a realizar o sonho de ir morar fora construindo uma das maior plataforma de entrevistas no Brasil!

Percebeu a diferença?

Ter o foco no longo prazo e fazer algo conectado com sua arte, com seu propósito, é muito mais forte do que simplesmente viver dando (apenas) um check nos objetivos de curto prazo.

 

A diferença entre conhecer e desconhecer o seu propósito

Quando você já tem clareza da sua arte, o caminho fica muito mais fácil.

Mas isso não quer dizer que você não terá perrengues durante a sua caminhada.

Os dias difíceis vão aparecer de qualquer forma, porém, fazendo algo conectado às suas paixões com foco no longo prazo, não tenho dúvida que terás mais perseverança para seguir firme e forte nessa jornada.

“Cada sonho que você deixa para trás, é um pedaço do seu futuro que deixa de existir.” – Steve Jobs

Ou seja, esteja preparado para lidar com as transformações e foque sua visão naquilo que faz sentido de verdade para você.

Por outro lado, se você desconhece o seu propósito, você pode seguir fazendo um monte de pequenas iniciativas, focando apenas em objetivos menores e de curto prazo… e isso vai te dar o sentimento de constante frustração e derrota.

 

Confie nos seus próprios sonhos

Mapear as principais metas do projeto que você tem em mente é muito importante para se ter clareza e discernimento do que você está fazendo.

Porém, são muitos detalhes e você nem sempre terá clareza de tudo que deve ser feito.

Eu tenho uma notícia ótima para você: não tem problema!

Faz parte lidar com muitas coisas que vão acontecer de maneira espontânea.

Por isso, aproveite e aprenda com essas situações.

“Cada tropeço na jornada é uma oportunidade de aprendizado e um convite para crescer.” – Ian Borges

Olhe para dentro de você e diga: continue, lute, acredite que você é capaz de chegar a qualquer lugar.

Mas não se esqueça de sonhar grande e pensar no longo prazo.

A vida é uma longa aventura com possibilidades infinitas.

Seja protagonista e faça a vida valer a pena! 😉

Como priorizar objetivos 2 | Ian Borges Lifestyle Strategist


Espero que tenha curtido esse artigo! Como presente, gostaria de te oferecer uma sessão de coaching experimental (valor de R$600) gratuita para dar os primeiros passos na direção de uma vida com mais sentido e liberdade.

Nessa sessão, eu vou te ajudar a ser tornar mais protagonista de sua própria vida. Ou seja, descobrir sua arte, conquistar a confiança para se dedicar a um projeto que ame, e modelar seu lifestyle para viver uma vida que valha a pena!

Infelizmente eu não posso garantir que esse presente ainda esteja disponível na data que você estiver lendo esse artigo. Então espero que entenda que há um número limitado de sessões oferecidas e depois, provavelmente, não haverá mais.

Para agendar um horário, é só clicar aqui. E aí, vamos seguir em frente?


E aí, curtiu o artigo? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe com alguém que você acredita que possa ajudar!

 

Muito velho para mudar de carreira? Saiba como superar essa ilusão!

Muito velho para mudar de carreira? Saiba como superar essa ilusão!

Neste artigo, falarei sobre outro temido Dream Killer que existe …a ideia de achar que está muito velho para mudar de carreira e lhe darei algumas dicas de o que você deve fazer para superar isso.

Para começar… Você sabe o que é um “Dream Killer”?

Nessa série, tenho mostrado que algumas perspectivas são vitais para se aventurar em um determinado empreendedorismo na vida. Abaixo um outro artigo dessa mesma sequência:

Como superar o medo do fracasso? Dicas práticas para sua vida!

 

Será que existe um momento ideal para começar a mudar?

A maioria das pessoas acredita que há um momento ideal para mudar sua jornada de vida e ir em busca dos seus próprios sonhos. Segundo elas, esse momento é na juventude.

Elas, geralmente, afirmam que aos 30, 40 ou 50 anos já é tarde demais para isso.

“Não dá mais tempo, eu já tenho família, emprego, e tantos anos de carreira” .

Bulshit! A vida é um grande reinício e nunca é tarde para encarar uma nova etapa na vida.

A verdade é que isso nada mais é do que uma série de desculpas que se cria em torno da idade e do tempo.

Nunca desista de recomeçar. Ainda que possa parecer complicado, reflita que todo reinício traz sempre novidades” . – Marta Felipe

O pensamento de achar que está muito velho para seguir algum sonho é apenas uma ilusão que nós mesmos criamos.

Muito pelo contrário, você pode utilizar toda a experiência de vida e profissional e converter ela em conhecimento e estratégia para fortalecer o planejamento de novos ciclos.

Foque em dar o primeiro passo, pois também não adianta querer abraçar o mundo de uma vez só. Você precisará de muito foco e perseverança nessa nova empreitada.

Mas nunca se esqueça… antes tarde do que nunca!

“Aproveite o dia ou morra lamentando o tempo perdido” . – Avenged Sevenfold

 

Por que sempre devo considerar uma mudança de vida?

Algumas das pessoas mais interessantes que eu conheço, por exemplo, não sabiam o que fazer da vida até os 40 anos.

Mas, a partir do momento em que descobriram sua arte e seu propósito, puderam perceber o real valor daquilo e se dedicaram cada vez mais.

O importante é nunca pensar na idade como um obstáculo grande o suficiente para fazer você parar.

Você não deve desistir nunca dos seus sonhos e aspirações.

Acredite! Com 50 anos, você pode desenvolver projetos incríveis.

Busque coisas que se conectem com sua essência, dedique-se com amor e paciência e seja uma inspiração para a mudança de vida de milhares de pessoas.

Muitos cientistas, pintores e escritores só são reconhecidos por sua arte no final de suas vidas

Então, após muitas experiências e ciclos de aprendizados, você terá maturidade para dar passos mais largos e terá mais visibilidade.

Alinhe a sua mudança com o que você acredita e, depois, trabalhe duro para conquistar aquilo que faz sentido na sua vida

Vamos lá! Você também é capaz de ter ideias super inovadoras e ser referência no mundo. Faça a diferença! Deixe suas ideias brilharem!

“Antes de dizer algo, seja exemplo sobre o que você diz.” – Erick Abreu Zaccaro

 

Porque eu não devo ter medo de mudar de carreira

Hoje, a galera Geração Y muda de profissão, em média, de 5 a 6 vezes ao longo dos anos.

A tendência é que esse número aumente ainda mais nas próximas gerações e que as pessoas busquem cada vez mais fazer aquilo que gostam.

“Se eu pudesse voltar à juventude, cometeria todos aqueles erros de novo. Só que mais cedo”. – Tallulah Bankhead

Então, quanto mais cedo você pensar em mudança, mais tempo você terá para descobrir a sua arte e tomar novas e sábias decisões na sua vida

Porém, não mude apenas por mudar, busque uma mudança consciente, pois isso dará mais sustentação e confiança para você seguir em frente com seus objetivos.

 

Por que é importante testar diferentes ideias?

Pois isso é um diferencial! Faz parte do processo de mudança e chamamos isso de Sampling, que é justamente você querer testar as suas ideias através de vivências práticas.

Nunca tenha medo de se expor a diferentes iniciativas, aventuras e projetos novos que apareçam. As experiências fazem os seus planos crescerem no mundo real.

Abrace a mudança e aprenda ao máximo com esses momentos!

“Você deve ser o primeiro a acreditar no seu sonho, seja determinado, destemido, automotivado, pois nem sempre virá o incentivo de outros” . – Edigleide Rabelo

Você pode ter a idade que for, o que mais importa no final é continuar acreditando que a mudança é possível.

Somente assim, você terá reais condições de atingir seus maiores sonhos e sentir o gosto de suas próprias e grandes conquistas.

E lembre-se…

“Não importa o quão longe e errado você já foi, simplesmente dê a volta e recomece.”

Muito velho para mudar de carreira


 

Espero que tenha curtido esse artigo! Como presente, gostaria de te oferecer uma sessão de coaching experimental (valor de R$600) gratuita para dar os primeiros passos na direção de uma vida com mais sentido e liberdade.

Nessa sessão, eu vou te ajudar a ser tornar mais protagonista de sua própria vida. Ou seja, descobrir sua arte, conquistar a confiança para se dedicar a um projeto que ame, e modelar seu lifestyle para viver uma vida que valha a pena!

Infelizmente eu não posso garantir que esse presente ainda esteja disponível na data que você estiver lendo esse artigo. Então espero que entenda que há um número limitado de sessões oferecidas e depois, provavelmente, não haverá mais.

Para agendar um horário, é só clicar aqui. E aí, vamos seguir em frente?


E aí, curtiu o artigo? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe com alguém que você acredita que possa ajudar!

 

Como superar o medo do fracasso? Dicas práticas para sua vida!

Como superar o medo do fracasso? Dicas práticas para sua vida!

Neste artigo falarei sobre um dos maiores Dream killers que existem … o medo do fracasso e te darei algumas dicas de o que você deve fazer para superá-lo.

Para começar… você sabe o que é um “Dream killer”?

Dream Killers são aquelas crenças limitantes que rondam nossas cabeças nos impedindo de viver verdadeiramente os nossos sonhos, que sabotam nossos projetos podendo até nos fazer duvidar de nosso real potencial.

 

O que o medo do fracasso pode fazer com você?

O medo é paralisador. O medo do fracasso pode nos levar a situações de retrocesso, afastando-nos cada vez mais de nosso real propósito. Somos tomados por um sentimento de insegurança e frustração, temos vontade de desistir… ou de nem começar a tentar.

Eu entendo bem desse sentimento.

Como você acha que eu me senti antes de pedir demissão de um cargo de Diretor na L’Oréal, super estabilizado, para me aventurar num empreendedorismo que não fazia ideia se iria dar certo?

Já me senti assim algumas vezes, mas se tivesse permitido que o medo me dominasse, jamais teria encontrado a minha real arte, minha verdadeira missão. Se eu não tivesse lutado contra, não teria iniciado a minha jornada e poderia estar até hoje acomodado em uma vida mediana e cheia de arrependimentos. 

Mais sobre como dar um salto de fé em sua vida aqui.

 

Por que sentimos medo do fracasso?

“Às vezes focamos tanto no sucesso que esquecemos do que é realmente necessário para alcançá-lo.” (Ian Borges)

Dificilmente pensamos nas falhas e só enxergamos o resultado final. As redes sociais contribuem muito para isso. Somos bombardeados todos os dias com fotos de pessoas perfeitas, com seus corpos maravilhosos e relacionamentos impecáveis.

Quase ninguém fala das dificuldades por que passaram para alcançar os resultados. Raramente pensamos nos fracassos como uma parte da vida, como simplesmente uma tentativa que deu errado no universo de tantas outras que ainda temos.

A ideia que temos de sucesso, a forma como o vemos é totalmente deturpada. Sucesso é muito mais do que um resultado ou um ponto de chegada. Sucesso é a forma como você vive, é cada passo a frente na jornada que você escolheu trilhar.

 

Ressignificando o fracasso

Esse papo todo está muito bonito, mas como tornar isso simples e trazer para a realidade?

Ressignificando, mudando a maneira de pensar.

Pare de enxergar o fracasso como algo errado. Entenda que o erro é apenas um resultado, um momento… não define o que você é. Olhe por outra perspectiva…

Encare o fracasso como um feedback, como uma tentativa bem sucedida do que não se deve mais fazer. No mínimo você levará um aprendizado, e isso é bastante coisa! O fracasso faz parte do processo de aprender a vencer.

 

Como superar o medo do fracasso?

Quanto mais clareza você tiver da sua arte, do seu propósito, daquilo que te move, mais facilmente irá encarar o fracasso, pois ele será apenas uma etapa rumo ao seu objetivo. A definição do seu sonho te dará foco, persistência e resiliência para continuar tentando.

Nada proporciona melhor capacidade de superação e resistência aos problemas e dificuldades em geral do que a consciência de ter uma missão a cumprir na vida.” (Viktor frankl)

Existe um modelo chamado “Ciclo PDCA” do americano William Deming. Este modelo é ótimo para montar um planejamento e manter o foco no objetivo final, independentemente do que aconteça no seu caminho para alcançá-lo.

Só para que você entenda a ideia… o PDCA encara cada erro como uma maneira de aprender a fazer melhor da próxima vez:

P- Plain = Planejar: 1) Definir o objetivo e qual será o caminho, o método para atingí-lo. 2) Educar, treinar e se preparar para fazer o que deve ser feito.

D- Do = Fazer: Executar a tarefa. Se o resultado for positivo, ótimo, mas se deu errado ou se poderia ficar melhor (siga para o Check)…

C- Check = Checar: Verificar os resultados da tarefa executada. O que aconteceu? O que deu errado? O que poderia fazer melhor? Analise toda a situação.

A- Action = Agir: Atuar corretivamente. Fazer novamente corrigindo os erros.

Ao se aprofundar um pouquinho mais nesse tema, que é a base para diversas práticas de “Customer development“, “Lean Startup“, etc., você irá concluir que o fracasso na realidade não existe.

Toda tentativa é válida e sempre te levará um passo à frente. Se não acertar na primeira, na segunda, na terceira… ok! Você descobriu três maneiras diferentes de como não se deve fazer.

O importante não é quantas vezes você cai, mas como você se levanta.

Aprecie os benefícios do fracasso.

A vida é uma experiência. Quanto mais experiências você tiver, melhor. Que chato seria acertar sempre!

O sucesso não seria tão prazeroso sem o contraponto do fracasso, sem passarmos pela experiência da falha. Não daríamos ao sucesso o devido valor se ele nos chegasse fácil demais.

“A vida não é sobre quão duro você é capaz de bater, mas sobre quão duro você é capaz de apanhar e continuar indo em frente. Niguém baterá tão forte quanto a vida. Porém, não se trata de quão forte pode bater, se trata de quão forte pode ser atingido e continuar seguindo em frente. É assim que a vitória é conquistada. Não importa o quanto você bate, mas sim o quanto aguenta apanhar e continuar. O quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Não se lembrarão de você, se lembrarão da sua reputação. Então levante e siga seu caminho” (Rocky balboa)


 

Espero que tenha curtido esse artigo! Como presente, gostaria de te oferecer uma sessão de coaching experimental (valor de R$600) gratuita para dar os primeiros passos na direção de uma vida com mais sentido e liberdade.

Nessa sessão, eu vou te ajudar a ser tornar mais protagonista de sua própria vida. Ou seja, descobrir sua arte, conquistar a confiança para se dedicar a um projeto que ame, e hackear seu lifestyle para viver uma vida que valha a pena!

Infelizmente eu não posso garantir que esse presente ainda esteja disponível na data que você estiver lendo esse artigo. Então espero que entenda que há um número limitado de sessões oferecidas e depois, provavelmente, não haverá mais.

Para agendar um horário, é só clicar aqui. E aí, vamos seguir em frente?


 

E aí, curtiu o artigo? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe com alguém que você acredita que possa ajudar!